COVID-19: paciente bariátrico está do grupo de risco?

Caros amigos e pacientes,

 

Espero que todos estejam bem.

 

Gostaria de esclarecer a importante questão referente a pandemia do COVID 19 (coronavírus) e a Obesidade. O assunto tem sido divulgado seguidamente na mídia apresentando o paciente obeso como grupo de risco e estendendo esta condição ao paciente operado (chamado bariátrico).

 

O paciente obeso, em especial por apresentar co-morbidades como Hipertensão Arterial e Diabetes, é sim grupo de risco. Não para a possibilidade de contágio mas para o desfecho da doença, já que apresenta condição clínica basal piorada. Uma vez operado para tratamento da Obesidade este paciente controla suas co-morbidades, e, portanto, deixa de ser grupo de risco para esta enfermidade.

 

Porém, há uma questão importante envolvendo a possibilidade de contágio da doença infecciosa: a imunidade. Para qualquer indivíduo ter um sistema imunológico eficiente, ele precisa estar bem alimentado e portanto bem nutrido. 

Todos os pacientes operados sabem que devem tomar polivitamínicos indefinidamente à partir da cirurgia para manter-se equilibrado nutricionalmente e esta é uma das razões. 

 

Portanto, fique atento ao uso diário do suplemento adequado e não se esqueça de retornar para suas visitas de controle após o término do isolamento social.

Caso necessário, você pode nos acionar por telefone/WhatsApp. Estamos disponíveis no: (21) 98832-6395 ou pelos e-mails: atendimento@mauricioemmanuel.com.br  e exames.mauricioemmanuel@gmail.com 

Conte com a gente!

COVID-19: paciente bariátrico está do grupo de risco?