A obesidade também atinge o público masculino?

Durante o Novembro Azul, a atenção se volta para o público masculino, especialmente quando o assunto é saúde. A campanha, que é realizada todos os anos, faz um alerta sobre a conscientização do câncer de próstata – doença que pode ser agravada e se desenvolve mais rapidamente quando o paciente tem o fator de risco da obesidade.

 

Dados da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), de 2019, mostram que a quantidade de mulheres e homens obesos no Brasil é similar, beirando os 20% de toda a população. No caso do público masculino, 18,7% das pessoas têm Índice de Massa Corporal (IMC) superior a 30, o que caracteriza obesidade.

 

Problemas causados pela obesidade no público masculino

 

O excesso de gordura é um fator que pode influenciar no desenvolvimento de 13 tipos de câncer, de acordo com a Agência Internacional para Pesquisa em Câncer, da Organização Mundial da Saúde (OMS). Entre eles, é possível citar o de esôfago (adenocarcinoma), estômago, pâncreas, vesícula biliar, fígado e intestino.

 

Saiba mais: Perder peso e emagrecer: qual a diferença?

 

Além disso, um estudo publicado na Revista Internacional do Câncer (International Journal of Cancer), de autoria do pesquisador Dallas English, diretor de um centro de pesquisa da Universidade de Melbourne, revela uma relação entre sobrepeso e câncer de próstata. Ele aponta que o risco de óbito pela doença é quase duas vezes maior para homens que estão com 20kg a mais em sua vida adulta.

 

Outros problemas já foram relatados na literatura médica, demonstrando que a obesidade é prejudicial para os homens, pois ela também pode estar relacionada com sintomas urológicos, de impotência, diabetes e doenças cardiovasculares.

 

Como manter um estilo de vida saudável?

 

Algumas das mudanças de hábitos que estão relacionadas com um estilo de vida mais saudável e com a prevenção da obesidade, são a prática de exercícios físicos e a diminuição do consumo de alimentos ultraprocessados, com excesso de gordura e açúcares.

 

O acompanhamento de uma equipe multidisciplinar, composta por médicos, nutricionistas, psicólogos e educadores físicos, também auxilia no emagrecimento gradual e efetivo.

A obesidade também atinge o público masculino?